fev 21, 2014
489 Visualizações
0 0

Guilherme Góes e Reka Lamat – Amor in Comun

Publicado por

Nos últimos anos, temos observado que a concentração urbana levou muitos jovens a buscarem alternativas de se diferenciarem no meio de tanta gente. Os hipster estão aí para comprovar esse comportamento. No entanto, bem sabemos que toda e qualquer tendência cultural, seja ela puramente artística ou mesmo metrossexual, está diretamente relacionada com o tempo e espaço em que a sociedade é posta em um contexto histórico. Nesse sentido, a modernidade e os moderninhos fazem um contraponto com o que é clássico e os intelectuais de plantão.

reka-guiCom a ideia de se afastar da correria frenética de São Paulo, da vida agitada, ostentativa e muitas vezes restritiva pela falta de segurança que há nos grandes centros urbanos, ao completar 21 anos, Renata Castilla Lamat, tomou uma decisão: “Viver no Vale do Paraíba.”  E foi em Ubatuba, que ela conheceu Guilherme Augusto Góes Miranda, 29, músico há mais de uma década e também vocalista da banda União Força Fé. Não por acaso, a garra e a vontade de crescer desses jovens, uniu de vez a relação de amor e parceria entre os dois que hoje, vivem em São José dos Campos.

Longe de toda essa confusão social, apresentamos aos nossos leitores, Guilherme Góes e Reka Lamat – Amor in Comun.

 

VP – O que vocês faziam antes de se conhecerem?
Gui – Tocava e toco ainda na banda União Força Fé e tinha outra produtora cultural da qual se chamava PositivAção Produções.
Reka – Estudava Biologia na qual larguei para ir viajar de bicicleta e aprender sobre a bio-construção.

goes

VP – Como, onde e quando vocês se conheceram?
GR – Festival Encantado em Ubatuba no dia 21de janeiro de 2012.

VP – O que vocês mais tem em comum?
GR – O Amor pela natureza e todos ao nosso redor!

VP – O que mais vocês gostam de fazer juntos, além de cantar e namorar?
GR – Viajar, conhecer lugares novos

VP – É comum encontrá-los em eventos culturais na cidade. Quais as peças ou apresentações que vocês assistiram que mais chamaram a atenção?
Gui – Das apresentações que já vimos e marcou bastante tem os shows do Djavan, Gilberto Gil, Jorge Ben Jor, Dezarie e Abyssinians.
Reka – São tantas… é díficil colocar aqui… mas tem uma q me tirou o fôlego que era uma peça do pessoal de Pinda, acredito que o nome era o Diabo Homem , ou algo parecido!

VP – Desde 2011 vocês são voluntários responsáveis pelo Ponto de Cultura OCA. Expliquem um pouco mais sobre este projeto.
Reka – O Gui está desde 2011, mas eu cheguei em 2013 para somar com o Ponto de Cultura OCA, aqui é um espaço para a comunidade e afins virem desfrutar de oficinas culturais como jongo, capoeira, congada, danças populares, yoga e aulas de música.

VP – Outros eventos produzidos pela Girauê também são organizados por vocês? Afinal o que é a Girauê? De onde surgiu este nome e qual o objetivo da Produtora?
Gui – O nome Girauê é um nome inventado, que nos traz a ideia de movimento e o auê que todo brasileiro tem em seu sangue, por festas, culturas, artes entre outros. o Propósito da produtora é difundir a cultura para todos, levando e trazendo ela em todos os aspectos, como shows, teatro, exposições, festivais entre outras fazendo excursões ou produzindo o próprio evento.

artistasVP – Na opinião de vocês, o que falta em São José dos Campos em termos de incentivo à educação e cultura?
GR – Menos monopólio! rsrsrs Mais incentivo!

VP – E no âmbito empresarial? São José dos Campos está preparado em teros de infra-estrutura para atender novos talentos artísticos da região?
Gui – A cultura acontece em qualquer lugar… é só deixar ela acontecer! tem muita burocracia e pouca ação!

VP – A dupla Reka e Gui está começando agora, mas vocês já cairam na estrada. Como foi tocarem juntos pela primeira vez?
Reka – Foi gostoso…. bem aconchegante, rsrsr cantar com o Gui acaba me dando um certo conforto, mas como foi foi a minha primeira vez cantando não nego o nervosismo! rsrs

VP – Vocês adotam alguma filosofia de vida para serem felizes? São religiosos ou devotos de alguma crença?
Gui – O AMOR… é a nossa crença, nossa religião… o AMOR, se tu tem ele no coração poderá passar por qualquer momento, situação… com o amor vivemos em harmonia e felicidade!

amorincomunVP – Vocês vão ser pais este ano, o que representa a chegada dessa criança na vida de vocês?
Reka – O fruto de um grande amor que veio para iluminar!

VP – E qual o próximo passo? Vocês já tem um plano para o lançamento de um CD?
Gui – Ainda não… temos que criar mais para termos músicas o suficientes… mas queremos gravar as que já temos!

VP – O que vocês diriam para as duplas e bandas que estão começando agora no cenário musical da região, mas que ainda não conseguiram uma boa abertura para mostrar seus trabalhos?
Gui – Acredite, e faça acontecer!

VP – Vocês gostariam de deixar alguma mensagem para nossos leitores?
Reka – O amor, o respeito e a Gratidão são as principais coisas que o ser humano pode ter… se viver sempre pensando nos três verás como as coisas andam e flui da melhor maneira!

Assuntos Relacionados
Artigos
Editor
http://www.valepublicar.com.br

Editor do Vale Publicar e CEO da Web Startup, responsável pela criação do selo editorial Ryoki Produções e também coordenador editorial do Vale Jornal.

Comente ou dê a sua opinião