fev 25, 2014
178 Visualizações
0 0

Nuvem negra assola Pequim

Publicado por

Na manhã desta terça-feira (25/02) foi emitido um alerta de nível laranja, o segundo maior na escala chinesa, em Pequim, pelo governo da China. O motivo da preocupação é a nuvem de poluição que já está sobre a capital do país há 6 dias. As autoridades pediram ainda que os moradores evitem ao máximo sair de suas casas e se for necessário que saiam, que usem máscaras protetoras.

O nível de PM 2,5 (índice que mede minúsculas partidas suspensas no ar) estava quase 20 vezes maior do que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Dados divulgados pelo governo chinês mostraram que o nível de partículas no ar era de 444 microgramas por metro cúbico na capital e o maior índice foi o da cidade de Tangshan, na província de Hebei, que fica bem próximo a Pequim.

Gelma Reis, engenheiro químico e sócio fundador da empresa de consultoria ambiental Ética Ambiental, comentou: “A fumaça produzida pela queima de combustíveis como o carvão e a gasolina são as principais causas para essa nuvem negra que assusta os moradores da capital chinesa”.

Os problemas de saúde gerados pela poluição são bem sérios. As partículas podem facilmente entrar no pulmão e médicos chineses divulgaram que alguns casos de mortes prematuras em pacientes têm ligação direta com essa nuvem negra.

Graças a esse fenômeno também tivemos o primeiro chinês entrando com uma ação judicial contra seu governo por motivos de poluição. Li Guixin, que mora na cidade de Shijiayhuang, pediu uma quantia equivalente a cerca de R$ 5 mil. O motivo foi que o cidadão teve que investir em reformas na sua casa para evitar o contato com o ar poluído.

Para mostrar que o governo está preocupado com a situação em que se encontra a população, o presidente chinês, Xi Jinping, fez uma aparição nas ruas da capital e caminhou sem máscara por diversas ruas populares do local.

Assuntos Relacionados
Andrielle Bressane · Notícias

Comente ou dê a sua opinião