mar 17, 2014
231 Visualizações
0 0

O carro mais veloz do mundo

Publicado por

esporte-carros-hennessey-venom-gt-grey-20121205-002-size-598

O Hennesey Venom GT se tornou o carro mais veloz do mundo ao atingir a marca de 435, 3 km/h. O recorde desbancou, por pouco, o lendário Bugatti Veyron, que até agora só atingiu a marca de 434,3km/h. A essa incrível velocidade, seria possível chegar a São Paulo, saindo do Rio de Janeiro, em apenas uma hora.

As montadoras vêm disputando o título durante todo o ano, e agora o Hennesey finalmente superou seu rival.
Apesar do incrível recorde, O Guiness World Records Book não vai registrar o feito ainda, pois afirma que não se pode medir a real velocidade de um carro em apenas uma corrida. A montadora do novo recordista afirma que isso não é problema, pois seu carro consegue chegar a até 450 km/h se necessário.

Desvendando o Hennesey Venom GT

O recordista vem equipado com um motor Corvette V8 6.2 biturbo, porém modificado para ser um 7.0 que possui 1.261 cavalos de potência. Dessa forma, a máquina consegue chegar à marca incrível de 300 km/h em apenas 13,18 segundos, outro recorde mundial. O carro está realmente se tornando uma lenda, dois recordes mundiais em uma única tacada.
O carro que custa U$ 1,2 de dólares – cerca de R$2,5mi – possui uma curiosidade: seu sistema de som é assinado pelo ídolo do rock, Steve Tyler, vocalista da banda Aerosmith.

Apesar do recorde batido, é sempre bom resaltar para que as pessoas não tentem isso em casa. O piloto era um profissional e as condições para a corrida eram controladas. De acordo com Danilo Vasconcelos, sócio fundador da Dinamicar Pneus, loja de pneus no Rio de Janeiro, já foram clientes a sua loja com pneus e suspensão, totalmente desgastados devido ao mau uso do veículo. “Não é todo carro que você coloca pode colocar no limite. As pessoas têm que dirigir com responsabilidade e segurança sempre.”

E você, acha que a Bugatti vai conseguir voltar a ter o carro mais veloz do mundo. Será que a Veyron assumiu de vez essa posição? Deixe seu comentário!

Texto gentilmente cedido por Daniel Delfino.

Assuntos Relacionados
Andrielle Bressane · Colunistas

Comente ou dê a sua opinião