mar 26, 2014
226 Visualizações
0 0

Patagônia – nossa vizinha gelada

Publicado por

Com o fim do inverno no hemisfério norte, as opções de destino para quem quer esquiar diminuem. E ainda estamos longe da temporada de esqui em Bariloche, o destino número um dos brasileiros. Mas há lugares que nunca perdem o gelo, como a Patagônia – a região fica na ponta da América do Sul e abrange tanto terras chilenas quanto argentinas. Lá você pode encontrar:

  • Animais típicos do frio: leões marinhos e pinguins são comuns (e rendem fotos ótimas na volta da viagem).
  • “Glaciares” ou geleiras: a Patagônia é a área com mais geleiras fora das zonas polares, por causa das baixas temperaturas: 10°C, que fariam qualquer carioca tremer, são temperatura de verão. No inverno, chega a fazer -20°C!
  • Beleza natural: de desertos frios e secos a florestas e bosques de pinheiro, passando por vales nevados – há um pouco de tudo quando se trata de relevo.
  • Aventura: cavalgadas, montanhismo e mountain bike, trekking, rafting, caiaque… você pode descansar fazendo algo mais leve, como uma trilha.
  • Comes e bebes: além da gastronomia refinada, vale a pena conferir o Glacio Bar. Tudo nele é de gelo – da decoração aos copos.

O que usar na viagem

A dica de especialista vem de Zizi Magalhães, autora do livro “Guia Quente para Viver o Frio”:

“A Patagônia é conhecida pelos ventos fortes e gelados, acompanhados de chuva. Por isso, além de materiais impermeáveis, é essencial usar cachecol sempre! Luvas também são essenciais para proteger as mãos – assim como o rosto, elas também são muito expostas ao frio.”
Zizi, que também é sócia-fundadora da Loja de Inverno , aposta nas camadas: por cima da roupa, sobretudo. Por baixo, uma segunda pele térmica que mantém a temperatura corporal. Os pés não podem ficar de fora: na hora de escolher as botas, dê preferência para as de solado de borracha. Além de segurar mais o calor do corpo, elas evitam escorregões indesejados.

(Texto cedido por Katharina Farina)

Assuntos Relacionados
Andrielle Bressane · Colunistas · Viagens

Comente ou dê a sua opinião