set 3, 2015
232 Visualizações
Comentários desativados em Seu futuro profissional pode estar nas estrelas: Faça Astronomia!
0 0

Seu futuro profissional pode estar nas estrelas: Faça Astronomia!

Publicado por

[dropcap size=small]V[/dropcap]ocê gosta de observar as estrelas e fica fascinado com tudo relacionado à conquista espacial, notícias sobre cometas, eclipses, planetas e coisas do gênero? Você pode ser um astrônomo! Há faculdades no Brasil que oferecem o curso. Mas, afinal de contas: o que é ASTRONOMIA?

É a ciência que estuda os astros e a estrutura do universo. No link abaixo você fazer um curso online grátis e aprofundar seus conhecimentos sobre essa fantástica matéria. Em 50 vídeos, o professor João Steiner, do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP, passa pelos principais pontos que envolvem o tema. As aulas são em português.

 

 

 

astronomo

A astronomia é a mais antiga das ciências naturais.

O que faz um astrônomo?

O astrônomo desenvolve teorias e as testa, através da observação da realidade. Ele pode investigar a origem e a evolução do universo e as forças que o regem.

Pode, também, se dedicar à observação e ao registro de imagens de objetos celestes, como estrelas, planetas, cometas, asteroides ou galáxias, a fim de estudar seu movimento, sua disposição no espaço e relação com os demais corpos da região. Para isso, faz uso de telescópios e câmeras.

Como é o mercado de trabalho para o profissional graduado em astronomia?

Nada o impede de aspirar ao cargo de astronauta, mas o mercado concentra-se, tradicionalmente, na área acadêmica. Para atuar como professor ou pesquisador é preciso fazer uma pós-graduação. Mas este bacharel sai da universidade preparado para atuar em outros mercados. “O número de planetários, instituições que exigem a formação em astronomia, é cada vez maior”, afirma Alexandre Lyra de Oliveira, coordenador do curso de Astronomia da UFRJ, no Rio de janeiro.

mercado-astronomia

O profissional da área é bem reconhecido por colaborar com a divulgação da ciência.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o Observatório Nacional e a Embratel também mantêm astrônomos em seu quadro de pessoal. Nesses locais, entre outras funções, este profissional monitora os satélites em órbita da Terra. Por fim, quem faz licenciatura em Física, tem como campo de atuação as salas de aula do ensino médio.

O astrônomo pode ainda trabalhar na divulgação da ciência, montando exibições, dando palestras e coordenando visitas a planetários e museus, para difundir os conhecimentos astronômicos para o público leigo. Pode também dar aulas de física, matemática ou astronomia no Ensino Médio ou ainda trabalhar em universidades, observatórios e centros de pesquisas espaciais, estudando a física e a dinâmica dos corpos celestes, seu tamanho e seus movimentos, bem como sua composição química, origem e evolução.

Onde fazer o curso e qual é a sua duração?

biblioteca-usp

Biblioteca do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas

O curso de astronomia dura em média 4 anos e engana-se quem imagina que na graduação ficará todo o tempo de olhos grudados no telescópio. Os modernos instrumentos de observação são manipulados por computador, e boa parte dos dados é disponibilizada na internet. Física e matemática são as bases teóricas do curso.

Você também pode dedicar-se à Astronomia fazendo o bacharelado em Física e, depois, uma pós-graduação na área. A faculdade de astronomia no Brasil é oferecida por apenas duas instituições: UFRJ e USP.

Há também a Faculdade de Ciências Físicas e Matemáticas da Universidade do Chile entre outras instituições mundo afora.

.

Vale lembrar que a partir desse ano, a USP vai oferecer 13% de suas vagas aos melhores colocados no ENEM, então essa pode ser sua chance de estudar e olha para as estrelas profissionalmente. Bons estudos e boa sorte!

Fonte: Jornalismo Colaborativo, Blog do Quero Bolsa

Assuntos Relacionados
Artigos · Educação e Cultura

Comments are closed.